Mart´nália e Camerata de violões são destaques do último fim de semana do Festival Sesc de Inverno em Três Rios

A programação conta ainda com diversas atrações na Praça São Sebastião e na unidade do Sesc

Mart'nalia - Festival Sesc de Inverno 2019
Mart’nalia – Festival Sesc de Inverno 2019

Três Rios – O último final de semana do Festival Sesc de Inverno promete uma programação que mistura diferentes linguagens artísticas: literatura, cinema, música, teatro, circo, artes visuais e muito mais. As atrações são gratuitas e voltadas para quem busca cultura e momentos de lazer com a família.

O sábado é a pedida certa para quem aprecia boa música. Criada em 2011, a Camerata de Violões de Três Rios é uma das maiores do Brasil em atividade se apresenta às 17h30, na Praça São Sebastião. Composta por 60 integrantes, com idades entre 10 e 70 anos, a banda instrumental surgiu a partir de um sonho de Felipe Carretiero, seu maestro e arranjador. No repertório, o clássico dá lugar à música popular brasileira, à celta e ao rock. Na apresentação deste festival, o grupo contará com 20 integrantes no palco.

Mais tarde, às 21h, Mart’nália sobe ao palco. A cantora já gravou e cantou nos seus shows muitas obras relevantes, dentre elas composições de Vinícius de Moraes, que é homenageado pela cantora em um show contendo a vasta obra do “poetinha”. O CD e o show Mart’nália canta Vinícius de Moraes tem direção geral de Marcia Alvarez e Mart’nália, produção musical de Arthur Maia (6 faixas) e Celso Fonseca (6 faixas), e foi arranjado por Jorjão Barreto, músico que também participou do CD.

Além das atrações musicais, a programação conta com Intervenção Poética Itinerante;  Documentário Mesa Brasil; Mostra Sesc de Cinema – Curtas-metragens Infantis; Ponto de Leitura; Roda de Conversa com a Gerência de Cultura Sesc RJ; Recreação;  Apresentação TSI – Danças Tradicionais;  Intervenção Teatral Itinerante de Saúde; espetáculos teatrais como Cortejo Atores na Rua e a Saga de Jorge; Debate – Pele de Monstro, com Bárbara Maria e Luther Santana.

Valorizando a produção artística da região, no domingo uma das atrações principais é o espetáculo circense Como Nasce um Palhaço que acontece na quadra da unidade Sesc. Essa é uma apresentação circense com o Grupo Móbile de Três Rios, contendo números de palhaçaria com cenas clássicas de palhaço, além de contorcionismo, malabarismo e acrobacias de solo, proporcionando diversão, resgatando lembranças em uma atmosfera lúdica, divertida em meio a cambalhotas, malabares e gargalhadas.

Ampliando o território e valorizando artistas locais

Essa foi a 18ª edição do Festival Sesc de Inverno que, pela primeira vez, esteve nos municípios de Duas Barras e Três Rios, assim como os distritos de Lumiar e São Pedro da Serra, localizados em Nova Friburgo, cidade que tradicionalmente recebe o festival junto a Petrópolis e Teresópolis.

O mote desta edição que aconteceu de 19 a 28 de julho é a questão dos territórios. Por isso, além dos nomes reconhecidos na cena cultural brasileiro, a programação está repleta de atrações locais, com o objetivo de valorizar a produção artística da região e alavancar carreiras desses talentos, colocando-os lado a lado na programação com artistas de projeção nacional. A identidade regional também estará presente nos conteúdos das atrações artísticas, como exibição de filmes rodados na região, exposições sobre ícones locais, entre outras.