Maratona cultural fecha o Festival Sesc de Inverno neste fim de semana. Confira as dicas da programação de Petrópolis

O último fim de semana do Festival Sesc de Inverno em Petrópolis está repleto de atrações culturais, havendo opções para todas as idades e gostos. Tem música, teatro, dança, circo, artes visuais, cinema, literatura, além de atividades educativas e de lazer nas unidades do Sesc (Quitandinha e Nogueira) e em espaços públicos da cidade. Confira alguns destaques da intensa programação do fim de semana de Petrópolis.

RESIDÊNCIA ARTÍSTICA COM RENATO CARRERA - Festival Sesc de Inverno
RESIDÊNCIA ARTÍSTICA COM RENATO CARRERA

SEXTA-FEIRA
Histórias Em-cantadas
A contadora de histórias Jeanne Avellar e a musicista Raquel Tavares encantam as crianças com suas histórias, figurinos e objetos. Os temas dos contos são sempre ladeados pelas cantigas populares, muitas já conhecidas do público infantil em um momento de magia total. 
Sesc Nogueira – Rinque de Patinação – 11h

Biltre
Um dos principais nomes da cena musical contemporânea carioca, a banda apresenta toda a sua irreverência no palco do Café Concerto, do Quitandinha, cantando letras afiadas, com humor ácido, em canções-memes que atraem multidões nos populares shows de rua e em espaços importantes da cidade do Rio, como o Circo Voador.
Sesc Quitandinha – Café Concerto – 19h

Esperança na Revolta
Líder em indicações na última edição do Prêmio Shell, o espetáculo “Esperança na Revolta”, da Confraria do Impossível, aborda a guerra sob vários aspectos e diferentes pontos de vista e contextos mundiais.
Sesc Quitandinha – Salão das Convenções – 19h

Pedro Ribeiro canta Jackson do Pandeiro
No ano em que se comemora o centenário do lendário Jackson do Pandeiro, Pedro Ribeiro apresenta o show “Jackson do Pandeiro – Sua Majestade, o Rei do Ritmo”. Com um repertório que prioriza a festa, o lúdico e o prazer, o músico paraibano homenageia um artista que sabia cair no suingue como poucos.
Sesc Nogueira – Lanchonete do Ginásio – 20h30

SÁBADO

Circo a Céu Aberto
Por meio da linguagem do palhaço, da comédia física e da arte de rua, traz aos espaços públicos a atmosfera poética do encontro, do aplauso, do sorriso e do despertar para a imaginação.
Praça da Liberdade – 11h

Todo lo que está a mi lado
Intervenção artística do argentino Fernando Rubio, que já circulou por países da Europa e das Américas, conta com um conjunto de camas no espaço público, onde atrizes e espectadores, em um momento de extrema intimidade, vivenciam um instante inesquecível para e com alguém desconhecido.
Sesc Quitandinha – Gramado do Lago – 11h

Oficina de Forró
O professor Maximiliano Gomes apresenta os principais passos de forró visando valorizar a cultura brasileira e suas diferentes manifestações e representações, fortalecendo, por meio da dança, as diversas identidades culturais originadas de costumes e tradições regionais.
Sesc Nogueira – Lanchonete do Ginásio – 12h

Calunga, Galanga e Bastião com o Desdobrar das Histórias
Através dos contos de tradição oral de matriz africana e afro-brasileira, o grupo proporciona o convívio e o encontro entre pessoas que desejam compartilhar histórias. Tecendo fios e tramas que contribuem para a construção de nossa identidade, mais que afro-brasileira, uma identidade múltipla em suas raízes e possibilidades.
Sesc Nogueira – Rinque de Patinação – 14h

Carminha Miranda, O Musical – A pequena notável para crianças
Estrelado pela cantora Juliana Maia, o musical é uma forma divertida de fazer com que as crianças aprendam sobre esta que é um grande ícone da música brasileira. Trata-se de uma viagem infantil ao mundo das músicas e histórias de Carmen Miranda.
Sesc Quitandinha – Salão das Crianças – 15h

Guilherme Mará e a Orquestra Sanfônica de Petrópolis
Depois do grande sucesso do projeto “Sanfonada Brasileira” em Petrópolis, o artista Guilherme Mará, instrumentista apaixonado pela sanfona e o universo nordestino, identificou e reuniu dezenas de sanfoneiros e sanfoneiras da cidade fundando a Primeira Orquestra Sanfônica de Petrópolis, que se apresentam agora no Festival Sesc de Inverno.
Sesc Quitandinha – Lago – 15h

Youtubers Alexandre Pessôa e Lully de Verdade
Fenômenos da internet, com milhões de visualizações no Youtube, Alexandre Pessôa, do Canal Epifania Experiência, e Lully, do canal Lully de Verdade, conversam sobre a produção de conteúdo audiovisual para internet, como forma de reflexões sobre a cultura contemporânea a partir, especialmente, da ampliação das formas de se estabelecer comunicação, buscando conscientizar os estudantes para um uso seguro, responsável e eficiente do potencial das redes sociais digitais.

Chororô do Rio
Espetáculo de circo narra as aventuras vividas por quatro palhaços que saem rio abaixo à procura de solução para sanar a tristeza de um olho d’água que vivia a chorar. Nessa viagem fantástica, muitas surpresas e descobertas se dão. De forma lúdica, através da figura do palhaço, das músicas do cancioneiro folclórico brasileiro, da utilização de bonecos, máscaras e do jogo dos atores, este espetáculo aborda questões pertinentes às temáticas cultural e ecológica.
Sesc Nogueira – Rinque de Patinação – 15h

As crianças
Nesse acalmado espetáculo de teatro, o casal de físicos aposentados Dayse (Analu Prestes) e Robin (Mario Borges), vive só e sem vizinhos numa casa improvisada perto da costa, numa região inóspita assolada por um acidente nuclear. Após uma ausência de quase quarenta anos, Rose (Andrea Dantas), antiga colega de profissão e amiga, chega a essa casa com uma missão que poderá mudar para sempre a vida do casal. Para complicar as coisas, Robin teve uma relação com Rose no passado.
Sesc Quitandinha – Salão das Convenções – 19h

Chico, Chico, João Mantuano e Daíra
Filho de Cássia Eller, Chico, Chico canta junto a João Mantuano e Daíra, fazendo um passeio por um repertório de de rock, samba, folk, blues, frevo, forró e baião. Caetano Veloso, João do Vale, Dorival Caymmi, Bob Dylan e Luiz Melodia são alguns dos mestres que marcam presença nessa inspirada mistura sonora, sem faltar as músicas autorais.
Sesc Quitandinha – Café Concerto – 19h

Andança – Beth Carvalho, O Musical
Concebido em homenagem aos 50 anos de carreira da madrinha do samba, o espetáculo agora é um tributo à cantora, falecida em abril deste ano aos 72 anos. O espetáculo fez quatro temporadas de grande sucesso na cidade do Rio de Janeiro, apresentando fatos marcantes da vida da cantora embalados por sucessos como “Vou Festejar”, “As Rosas Não Falam”, “Folhas secas” entre outros.
Sesc Quitandinha – Teatro – 20h30

MV Bill
Escritor, ator, cineasta, ativista social e fundador de uma das maiores ONGs do Brasil, a Central Única das Favelas, o rapper promete levantar o público com sucesso como “Estilo vagabundo”, “Junto e misturado”, “Um só coração”, O bonde não para”, “Cidadão refém” e “Traficando Informação”. Sesc Nogueira – Ginásio – 21h

Na Cozinha
Resultado de residência artística do consagrado diretor Renato Carrera com artista de Petrópolis durante os meses de junho e julho, o espetáculo será encenado pela primeira vez, tendo como cenário a cozinha do Palácio Quitandinha, local onde já foram preparadas refeições para celebridades e poderosos como Orson Wells, Carmen Miranda, Evita Perón e Getúlio Vargas. O enredo foi construído a partir de notícias de jornal sobre a cidade.
Sesc Quitandinha – Cozinha do Bar Central – 23h

DOMINGO

Além do Mais… Ciranda de Barbante
O sarau para crianças é uma grande brincadeira de poemas e melodias, com declamação de músicas e cantoria de poemas. Trata-se de uma apresentação lúdica para resgatar e poetizar o imaginário do universo infantil e levar as crianças ao encantamento e divertimento, estimulando sua inteligência, memória e atenção, desenvolvendo sua sensibilidade e ao mesmo tempo aumentando seu interesse pela literatura.
Sesc Quitandinha – Biblioteca – 10h30

Teko Porã
A banda surgiu nas ruas de São Paulo, resultado da confluência artística de várias formações de músicos que fizeram dos metrôs, calçadas, esquinas e encruzilhadas seu palco e seu sustento. No Festival apresentam músicas instrumentais que contam histórias e apresentam sentimentos, convidamos o público a uma jornada musical, mental e espiritual pelas paisagens sonoras multiculturais, mambembes, ciganas e marginalizadas.
Sesc Quitandinha – 11h

O pequeno príncipe preto
Releitura do clássico de Antoine de Saint-Exupéry, o espetáculo é protagonizado por um personagem negro, como condutor da narrativa, valorizando a cultura negra e retratando o quanto é bonita a diversidade de cada povo. Dirigido por Rodrigo França, circulou por 15 cidades do Sudeste, Norte e Nordeste do País, completando 1 ano de temporada em junho de 2019, com 100 apresentações e mais de 30 mil espectadores.
Sesc Quitandinha – Salão das Convenções – 11h e 16h

Passaporte poético
Quem estiver pelo Sesc Quitandinha no domingo não pode perder a performance do grupo de poetas e atores que leva o público, por meio de versos de poesia brasileira de ontem e de hoje, para uma viagem no tempo, como numa antiga estação de trem, com personagens que chegam e que se vão, mas levam amores, saudades e poemas, seja na mala, seja no coração.
Sesc Quitandinha – Hall Monumental – 14h

Histórias de Roda, com Baobá
Produzido pelo Grupo Baobá, de São Gonçalo, é um espetáculo literário, narrativo, brincante, apresentando cinco contos de diversas partes do país que se inspiraram em cantigas. As melodias e versos suscitam lembrança, memória, afeto e delícias.
Sesc Nogueira – Rinque de Patinação – 14h

Circo Viva
Espetáculo que remete à poética dos circos mambembes do interior do Brasil, misturando em sua linguagem as cores da cultura popular, do palhaço e do teatro de rua. Apresenta cenas de malabarismos, equilibrismos, musicais, magia cômica e muita palhaçaria. 
Praça de Nogueira – 14h

Seminário Quitandinha – 75 Anos
Os jornalistas Flavio Menna Barreto Neves e João Perdigão e o historiador Joaquim Eloy Duarte dos Santos – três autores de livros e estudos sobre o Palácio Quitandinha e seu idealizador Joaquim Rolla – debatem sobre esse monumento que é um dos principais pontos turístico de Petrópolis e do estado do Rio de Janeiro.
Sesc Quitandinha – Salão Social – 15h

El Efecto
A banda carioca apresenta canções do álbum “Memórias do Fogo”, onde dá vazão a sua veia política que pulsa forte em meio a uma época caótica de desinformação e inércia. O repertório é uma coletânea de ritmos que vai do samba ao metal, evocando a potência cultural da música brasileira.
Sesc Quitandinha – Café Concerto – 19h

Lô Borges
Um dos membros do Clube da Esquina – movimento musical mineiro do qual também fizeram parte Milton Nascimento, Flávio Venturini, Beto Guedes e outros – Lô Borges apresenta o show “Paisagem da Janela”, em homenagem aos seus 47 anos de carreira. No espetáculo, ele relembra seus grandes sucessos, como  “Clube da Esquina nº 2”, “O Trem Azul”, “Nuvem Cigana”, “Feira Moderna”, “Tudo que Você Podia Ser”.
Sesc Nogueira – Ginásio – 20h